Mércia Gourmet

CPT - Centro de Produções Técnicas

Publicidade GDE

domingo, 8 de junho de 2014

Dicas e receita de pão-de-ló



Imagem: Tutto Dolci da Carol - blogspot


As vezes, nossas receitas acabam por serem desastrosas, e muita gente culpa sua falta de talento para isso. Na verdade, aí vai uma bronquinha pra mim e pra vocês. Não se culpe, culpe sua preguiça de ler. É, isso mesmo, muita gente está há anos na cozinha, mas não senta 2 minutos para ler uma matéria como esta que estou escrevendo, que ajudará muito (assim espero). 

Ontem tive um desastre na cozinha, e decidi saber o porquê disso, descobri que, por algum motivo, ontem, fiz tudo errado.


Um dos erros mais comuns: espetar o bolo para ver se assou! Por quê? 

Você sabia que não se deve espetar o bolo para saber se está bom? O gás sai de dentro do bolo e ele murcha. Muita gente pergunta o porquê do bolo murchar, acontece com todos. Um dos erros mais comuns está na pressa dos cozinheiros em ver se o bolo está pronto. Abrir o forno antes do tempo mínimo da receita faz com que o AR QUENTE se disperse, a massa MURCHA... Não fique com o forno aberto, a temperatura cai, o bolo CAI junto... Dica da professora Derileusa Rosa, do curso de gastro do Senac da Aclimação.


Então como saber se o ele está realmente pronto? 


Primeiro, teste com a ponta dos dedos e veja se ele volta ao tamanho original antes de pressionado. Um bolo que não está assado o suficiente afunda e fica com as marcas dos dedos quando é apertado.

Duas professoras deram essas dicas: 

Se você bate demais um bolo como o mármore ou bolo de cenoura, o glúten da massa se desenvolve, isso deixa a massa pesada. Não adianta bater de qualquer jeito ou com pressa.

No caso do pão-de-ló, se você mistura demais, o bolo fica BAIXO e elástico... exatamente o que houve com o meu. 

COMO MISTURAR O PÃO-DE-LÓ:

O cuidado nessa parte é importantíssimo em bolos do tipo aerado, como o pão-de-ló, em que o volume da massa é obtido com a mistura de ovos e açúcar. Ao bater essa massa, o ar é aprisionado em bolhas, que, aquecidas pelo calor do forno, formam a estrutura final do bolo. Então, delicadeza é fundamental:
misture em movimentos circulares, de baixo para cima, até que toda a farinha de trigo seja incorporada.

MANTEIGA GELADA NÃO DA CERTO. Sempre em temperatura ambiente.

Não culpe seu forno, ele só é comandado por você ( 
a não ser que esteja desregulado )

Espero que essas dicas tenham ajudado a todos nós, e que nunca mais nem meus, nem seus bolos "solem"... e fiquem elásticos tipo sola de sapato. kkkk.

Boa sorte, bom apetite, e boa leitura, NADA DE PREGUIÇA, confeiteiros.

BONUS: receita de pão de ló da mestre

Ingredientes

  1. 1 xícara(s) de chá de farinha de trigo fermentada
  2. 1 xícara(s) de chá de açúcar
  3. 5 ovos
  4. 1/2 xícara(s) de chá de leite integral
  5. essência de baunilha a gosto


Modo de preparo


Bata os ovos, o açúcar e a essência de baunilha até que a mistura dobre de tamanho e fique pálida, alta e firme. Adicione o leite e misture com cuidado. Em seguida, acrescente a farinha peneirada, aos poucos, misturando delicadamente em movimentos circulares de baixo para cima.

Coloque a massa em uma forma untada e forrada com papel-manteiga, e leve ao forno preaquecido a 180ºC, por meia hora. O bolo deve estar dourado e firme ao toque. Retire o bolo do forno e deixe esfriar em uma grade por alguns instantes antes de desenformar

Fonte: Uol




Postado Por: Creative

Dicas e receita de pão-de-ló

Compartilhe:

Postar Um Comentario

Facebook
Blogger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Traduzido Por: Template Para Blogspot | Thema Seo Blogger Templates