Mércia Gourmet

CPT - Centro de Produções Técnicas

Publicidade GDE

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Entenda o efeito "Craquelado"




Imagem: Blog Novasafra


Pessoal, há muito tempo estamos vendo muitas dúvidas acerca do "efeito craquelado" sobre o bolo.


Então, vamos tentar tirá-los aqui:

Última moda em Paris, está sendo utilizado nas melhores confeitarias e por chefs renomados.




O corante branco - dióxido de titânio - é um corante alimentício que permite que você obtenha uma cor extremamente branca, que lembra o Fondant, em glaçages, ganaches e outros cremes para cobertura de tortas e doces.  

Imagem: reprodução - Google

É um pigmento à base de dióxido de titânio rutílico tratado superficialmente com hidróxido de alumínio e sílica. É o pigmento branco mais utilizado no mundo devido ao seu alto índice de refração, ou seja, deixa tudo muito branco. Misturiando-se a outros corantes e à cobertura, obtem-se o efeito craquelado ou bem colorido, como rosa pink, azul forte entre outros.


PORÉM, preste bem atenção, pois é pode ser PROIBIDO para o uso, como diz o texto do site Câmara:

A Câmara analisa o Projeto de Lei 1370/11, do deputado Antonio Carlos Mendes Thame (PSDB-SP), que proíbe a utilização de dióxido de titânio em alimentos e cosméticos. O dióxido de titânio é um pigmento branco inorgânico, bastante usado em cosméticos, tintas e corantes de alimentos. Tem uso bastante comum também em bloqueadores solares, em virtude de sua propriedade física de barrar a radiação da luz solar.
Mendes Thame explica que, com a contaminação de mananciais de água por esse composto por meio do descarte pelo esgoto doméstico, a penetração da luz solar fica impedida, podendo haver alterações no ambiente aquático.
O autor argumenta que não é necessário proibir o uso do dióxido de titânio em tintas, pois já há legislação específica sobre o assunto, disciplinando o destino final nesses casos. Além disso, o uso é restrito a profissionais da área de pintura, o que reduz o potencial poluente. Já a presença da substância em cosméticos, segundo o deputado, torna o controle impraticável. De acordo com ele, já existem compostos químicos mais eficazes para a proteção solar do que o dióxido de titânio.
Lesões intestinaisNo caso dos alimentos, o deputado alerta que a substância, apesar de liberada como aditivo pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e por órgãos semelhantes de outros países, pode causar lesões inflamatórias nos intestinos de animais.
Mendes Thame ressalta que ainda há pouca pesquisa sobre os riscos do uso da substãncia. “Como seu emprego é basicamente para colorir, sugere o bom senso que não seja usado na composição de alimentos”, recomenda o deputado.

Pensem bem antes de usar um produto que pode ser danoso à saúde!



Procurando curso de confeitaria? Compre com a nossa parceira CPT cursos e receba certificado reconhecido pela Universidade Online de Viçosa. 

Veja o maravilhoso curso de Bolos e Tortas do Bellini



Para comprar o Curso Básico de Confeitaria, clica aqui
Para adquirir o Curso AVANÇADO de Confeitaria, clica aqui
Para adquirir o curso Tortas de Vitrine, clica aqui

Participe do nosso grupo de receitas
no face

Compartilhe nas suas redes sociais, use o botão share abaixo e compartilhe com seus amigos!  
Postado Por: Creative

Entenda o efeito "Craquelado"

Compartilhe:

Postar Um Comentario

Facebook
Blogger

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© Traduzido Por: Template Para Blogspot | Thema Seo Blogger Templates